segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

O PERFUME DA FOLHA DE CHÁ | AUTORA: DINAH JEFFERIES | RESENHA



Título: O perfume da folha de chá | Autora: Dinah Jefferies
Editora: Paralela | Páginas: 432 | Ano: 2017 | Nota: ★★★★★

Olá !!! Compartilho com vocês a resenha de um livro que me despertou bastante interesse desde que vi na pré-venda do site da Saraiva.  Desde que vi a capa desse livro, me fez imaginar várias situações, me transportou aquelas paisagens, a uma fazenda onde se desenrolaria uma linda história. Me fez também imaginar a pintura muito bonita de um quadro na parede. Vocês também são assim? Antes mesmo de ler o livro, já conseguem imaginar várias situações somente olhando a capa? Sou assim!

Posso garantir que minhas expectativas quanto a leitura foram superadas. Me surpreendeu, de verdade. Agora convido a descobrirem porque me encantei tanto com a história de Gwen...  

SINOPSE
Em 1925, a jovem Gwendolyn Hooper parte de navio da Escócia para se encontrar com seu marido, Laurencek no exótico Ceilão, do outro lado do mundo. Recém-casados e apaixonados, eles são a definição do casal aristocrático perfeito: a bela dama britânica e o proprietário de uma das fazendas de chás mais prósperas do império. Mas ao chegar à mansão na paradisíaca propriedade Hooper, nada é como Gwendolyn imaginava: os funcionários parecem rancorosos e calados, e os vizinhos, traiçoeiros. Seu marido, apesar de afetuoso, demonstra guardar segredos sombrios do passado e recusa-se a conversar sobre certos assuntos. Ao descobrir que está grávida, a jovem sente-se feliz pela primeira vez desde que chegou ao Ceilão. Mas, no dia de dar à luz, algo inesperado se revela. Agora, é ela quem se vê obrigada a manter em sigilo algo terrível, sob o preço de ver sua família desfeita.



A história se passa na década de 20, no Ceilão, na época ainda era colônia britânica, atual Sri Lanka. Quando Gwendolyn se casa com um homem de 37 anos, viúvo e dono de uma grandes fazenda produtora de chá. Ela precisa deixar seu país para viver em um local estranho, com costumes diferentes do seu. Logo que chega, ela descobre que nada será fácil, especialmente conviver com os segredos do passado do seu marido, Laurence. Um homem gentil e amoroso, mas que por vezes deixa vir a tona seus maiores problemas. No passado ela fora casado com Caroline e morreu após complicações referente ao nascimento do seu filho Thomas.

Pouco a pouco Gwen vai conhecendo mais os costumes locais, sobre os negócios do marido, vai tomando cargo dos afazeres da casa e se aproximando mais dos habitantes locais. Uma amizade que seu marido não vê com bons olhos é a de Savi Ravashinge. Apesar de ser um bom homem e atencioso, ele representa uma ameaça a seu casamento, além de ser de uma etnia diferente. Nesse ponto se destaca o preconceito pelas diferenças étnicas. Enquanto essa aproximação incomoda Laurence, Gwen também passa a sentir ciúmes de Christina com seu marido. Em um dos bailes, Gwen e Laurence se desentendem e com raiva, Gwen bebe mais do que o recomendado e perde o controle, sendo levada ao quarto por Savi. Quando desperta, ela não se lembra o que aconteceu mas tudo a faz pensar que teria tido relações com Savi.

Os meses se passam, Gwen descobre que está grávida e enfim dá à luz a dois bebês. Um menino branco e saudável que dá o nome de Hugh, e uma menina morena, Liyoni. Ela entra em choque sem saber o que teria acontecido, porque teria dado a luz a duas crianças tão diferentes. Lembrando do ocorrido no baile com Savi, tudo faz pensar que teria tido dois filhos de pais diferentes. Continuar com a menina seria a prova de sua traição. Num acesso de desespero pede a Naveena, a empregada da casa, que dê para outra pessoa cuidar de sua filha. 

A partir daí a leitura se torna ainda mais emocionante. Vamos descobrindo mais segredos que envolvem toda família, especialmente do passado do seu marido, os motivos que levaram a morte de sua primeira esposa e do filho, me peguei imaginando vários motivos. Senti que a autora conseguiu construir muito bem os personagens, conseguimos quase que senti-los, suas alegrias, suas angustias, suas descobertas. O livro foi dividido em quatro partes: a nova vida, o segredo, o sofrimento e a verdade. Ao final temos um final surpreendente. Na parte de nota da autora descobrimos mais sobre quais foram suas inspirações para escrever o livro.  


O perfume da folha de chá é um livro que emociona, nos surpreende e nos instiga a descobrir mais sobre o Ceilão, sobre sua cultura, sobre as relações humanas e as diferentes formas de se lidar com um problema. Uma leitura que vale muito a pena !!!  

RESENHA EM VIDEO



Livro disponível nas principais Lojas Virtuais

AMAZON | CULTURA | SARAIVA | SUBMARINO



SOBRE A AUTORA



Dinah Jefferies nasceu na Malásia e se mudou para a Inglaterra com nove anos. Trabalhou com educação e realizou obras como artista plástica. Já publicou três livros:

The Separation (2013)
The Tea Planter's Wife (2015)
The Silk Merchant's Daughter (2016)

Facebook:





Sobre Lorena Caribé

Olá! Meu nome é Lorena. Estarei compartilhando nesse blog comentários e indicações de leituras. Continuem visitando para novas atualizações!!! E-MAIL: aventuraliteraria@hotmail.com

POSTAGENS RELACIONADAS

Comente com o Facebook:

28 comentários:

  1. Oi, Lorena!
    Tinha visto esse livro em um post sobre os lançamentos da editora e ficado interessada. A sinopse me ganhou e fiquei curiosa pra saber que segredo seria esse que a personagem tinha que guardar. Lendo a resenha, descobri qual. Por tudo o que você escreveu, dá pra ver que é uma história mais adulta, mais madura, que toca em temas mais sérios. Gostei muito e quero ler!

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Não compraria o livro pela capa ou pela sinopse, pois esse não é o tipo de livro que costumo ler. No entanto, a resenha despertou em mim uma forte curiosidade, principalmente em relação ao marido da personagem e da morte de sua ex-esposa. Aliás, gostei muito da sua resenha e talvez, eu venha dizer o que achei da história, caso compre o livro.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?

    Esta história me encantou assim que li a sinopse <3 Era para ser meu escolhido do mês mas acabou não dando certo de escolhê-lo. Sua resenha foi a primeira que li até agora e está impossível não se apaixonar ainda mais com "O perfume da folha de chá" (:

    Também não pude deixar de notar o toque épico e emocionante contido na história. Sua resenha está maravilhosa! Espero conseguir realizar a leitura em breve!

    ResponderExcluir
  4. Olá Lorena, tudo bem?

    Eu já vi esse livro em algum blog, não sei precisar agora. Eu achei a capa bem bonita e parece que capricharam na edição. Fico feliz que tenha gostado da leitura, que tenha te envolvido e conquistado. Eu particularmente não pretendo ler, mas vou indicar o livro!
    Bjuss

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Nossa primeiramente ao saber que o livro é datado anos atrás, me interessei e depois de saber que emociona, com certeza dica anotada. Confesso que amo livros com divisões fechadas de partes do livro, como aqui aparenta e você falou. Fora que a capa é linda mesma e ativa nossa imaginação. Adorei!
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. nossa, que enredo! fiquei com muita vontade de ler.. para saber se os dois bebês são realmente filhos de Savi, e quais são esses segredos. Achei mais interessante foram os temas aboradados pela trama. acho que naquela época o preconceito étnico era pior que hoje. não é o tipo de livro que costumo ler mas para esse abro uma exceção. Parece ser fascinante. obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia o livro, e sim, a capa está linda. Que enredo. Dar a filha para adoção com medo de ter traído o marido. Não seria mais fácil perguntar ao Save? E quem é esta Christina? Um enredo bem interessante e que me chamou atenção.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Eu estou muito curiosa com esse livro, acredito que a leitura deva mesmo ser muito emocionante e tenho certeza que eu vou gostar da obra. A capa é linda e gostei de conhecer um pouco mais sobre a história.

    ResponderExcluir
  9. Agora tá para entender porque esse livro é tão fascinante, tem um suspense bem envolvente nele todo, o que deixa a leitura ótima no meu ver.
    Tenho visto muita gente tirando foto do livro, assim que der, quero compra-lo.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Já tinha visto esse livro, e nem a capa e nem o título chamaram minha atenção. Porém, sua resenha me deixou muito curiosa para ler. Preciso saber qual o mistério em relação ao passado do marido dela e quem é o pai dos bebês.
    Já anotei a dica e adorei sua resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Minha mãe estava me falando sobre esse livro há alguns dias atrás, já que chamou muito a atenção dela. É muito legal saber que é um livro que nos emociona, porque a história parece ser realmente muito bonita.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Gostei bastante da sua resenha.
    Qdo vi que seria publicado, eu não havia me interessado, aí dei uma olhada melhor na sinopse e em resenhas e mudei de ideia. Quero muito ler esse livro.
    Ótima dica.
    bjs

    ResponderExcluir
  13. Vi que ia ser publicado porém não me interessei, gostei bastante da resenha e fiquei curiosa sobre o desenrolar da história. Não é o tipo de livro que costumo ler mas quero dar uma chance.

    ResponderExcluir
  14. Oi, Lorena ^^
    Mal essa obra foi lançada e já topo com a resenha dela aqui no blog. Eita rapidez, hein. kkk
    Todo o enredo da história me remete muito aos clássicos brasileiros, durante a resenha senti uma certa referência a Escrava Isaura e se estou errado me corrija.
    Adoro enredos dos séculos passados onde é denunciado o preconceito e como eram as maneiras de tratamento das pessoas. Foram séculos sofridos mas que serve como lição de que o que os brancos faziam antigamente era errado e nunca se deve repetir.
    Espero sinceramente que os filhos de Gwen sejam do Savi para a personagem tomar um choque de realidade e ver se de fato é uma mãe admirável.
    Parabéns pela resenha e por me clarear a cerca do enredo criado pela autora, Lorena. Foi muito bom saber que os personagens são bem estruturados e causam empatia. ^^
    Bjs

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Sua resenha me despertou um grande interesse no livro. Quase não leio livros com temáticas mais sérias e adultas como este parece ser. Achei o enredo muito bom e a trama deve ter sido bem construída já que te agradou. Pelo nome ou pela capa eu nunca teria o mínimo interesse na leitura, mas agora ficou uma vontade de saber mais.

    Vícios e Literatura

    ResponderExcluir
  16. Olá, adorei mesmo a premissa do livro, pela capa me pareceu ser apenas mais um romance de época, mas a história é intrigante e parece ter várias reviravoltas , estou ansiosa para descobrir o que acontece, dica mais do que anotada.

    ResponderExcluir
  17. Assim que vejo a capa, também já fico imaginando toda a história e da experiência que posso ter com ela. E fico bem feliz que a obra tenha superado suas expectativas, isso é ótimo. E gostei de toda essa intriga que tem, para saber quem é o pai e do que aconteceu com a Gwen no dia que ela ficou bêbada. Enfim, estou muito instigado com a obra, daria um bom filme ou série.

    ResponderExcluir
  18. Oi, tudo bem?

    Tô vendo esse livro bastante por aí, mas ainda não tinha parado para ler uma resenha. Confesso que a trama parece arrastada, mas encantadora. O tipo de trama que tem me surpreendido e me conquistado. Fiquei muito interessada no livro por tratar de outras etnias (tô me esforçando mais pra acompanhar leituras cujas protagonistas não sejam o padrãozinho - além do mais, eu trabalho com cultura e adoro saber mais sobre outras sociedades). Tô pra dar uma chance, com certeza, só tenho que terminar a minha lista de férias! :)
    Adorei sua resenha, me prendeu bastante, parabéns!

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  19. Oie tudo bem?
    Gostei pakas da resenha, mas o livro não é muito minha "praia" sabe, não gosto muito não de histórias que se desenrolam no passado.
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Olá,

    Adoro livros cheios de segredos, dramas e reviravoltas e esse me parece ser um dos bons. Desde que vi esse lançamento, já me interessei, mas ainda não li, gosto de saber algumas opiniões antes de ler uma obra, e como é a primeira opinião que leio, acredito que irei curtir bastante a história.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Olá, tudo bem?
    Desde a pré venda esse livro vem sendo um sucesso e lendo a sua resenha deu para entender porque.
    A capa é linda e a história muito interessante.
    Estou louca para ler e degustar dessa obra que provavelmente vai levar 5 estrelas de mim também. Beijos

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    A capa é bastante instigante e me deixou curiosa para conhecer a história.
    O enredo parece muito bem escrito e os mistérios e segredos chamaram ainda mais minha atenção sobre a obra.
    Acredito que é uma leitura que tem tudo para me agradar.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  23. Olá, tudo bem?
    Desde que vi esse lançamento fiquei louca, amei a resenha e já anotei a dica!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  24. Fiquei super curiosa para descobrir todos os segredos contidos nesse livro, adorei a sua resenha...Não conhecia o livro mas anotei o nome para uma futura leitura...Bjs

    www.livrosemretalhos.com.br

    ResponderExcluir
  25. Estou doida por esse livro. Estou aguardando ansiosamente o meu chegar. Gosto muito dessas histórias que nos apresentam culturas diferentes, sobretudo quando se passam em uma época afastada. Gostei muito da sua resenha, deixou-me ainda mais ansiosa pelo livro.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  26. Tenho ouvido falar muito sobre esse livro é essa foi a primeira resenha. Me senti fisgada, amo todo esse universo de segredos mantidos a sete chaves. Apesar de preferir uma época anterior, a história me conquistou e me fez querer saber mais. Espero gostar tanto quanto você.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  27. Oiii. Tudo bem??
    Eu sou bem parecida com você. Quando vejo a capa de um livro já começo a imaginar o conteúdo, a história... por isso sou bem exigente com as capas dos livros.. rsrs
    Quando vi esse livro imaginei alguma coisa relacionada a China ou alguma cultura oriental.. rsrs
    Mas achei a história fantástica. Amo histórias épicas que são muito mais que apenas romance. Mas que nos trazem mistério e aventura... Essa história me lembrou outra, Outlander. Conhece?

    ResponderExcluir
  28. Lorena, nunca tinha ouvido falar desse livro.
    Achei diferente a história e fiquei bem curiosa para ler.
    A capa é bem bonita.

    ResponderExcluir

INSTAGRAM